Tel: 262 553 881 Fax: 262 562 120

Super User

Imagens Satélite

Set. 18
Publicado em Freguesia

A Nazaré acolhe até ao próximo dia 15 de setembro, domingo, um intercâmbio entre jovens da CERCINA – Cooperativa de Ensino e Reabilitação de Crianças Inadaptadas da Nazaré e da FUNDHEX – Fundación de Hermanos para la Igualdad y la Inclusión Social da Extremadura (Espanha).

Tem estado em curso, na praia do Norte, na Nazaré, uma das maiores ações de medição do comportamento das areias nas proximidades do canhão. Esta quinta-feira, 12 de setembro, realizou-se a injeção de areia marcada. Onze toneladas de areia foram pintadas com marcador fluorescente, para permitir a sua identificação, e foram injetadas naquela praia.

Telefones Úteis

Set. 11
Publicado em Freguesia
ENTIDADE CONTACTO
Ascensor 262 56 90 70
Biblioteca Municipal da Nazaré 262 56 23 88
Bombeiros Voluntários da Nazaré 262 56 13 00
Câmara Municipal da Nazaré Tel: 262 55 00 10
Fax: 262 55 00 19
Capitania do Porto da Nazaré 262 56 12 55
Casa do Povo da Nazaré 262 55 13 66
Cenel Avarias 800 24 62 46
Centro Cultural da Nazaré 262 56 19 44
Centro de Saúde de Famalicão 262 56 00 95
Centro de Saúde da Nazaré 262 56 91 20
Centro de Saúde de Valado dos Frades 262 57 71 09
CP - Caminhos de Ferro de Valado dos Frades 262 57 73 31
Cercina 262 56 25 95
DocaPesca (lota) 262 56 90 90
Farmácia Ascenso 262 55 11 06
Farmácia Coelho - Valado dos Frades 262 57 71 15
Farmácia dos Pescadores 262 55 11 82
Farmácia Maria Orlanda - Sítio 262 56 29 21
Farmácia Ribeiro - Famalicão 262 56 00 96
Farmácia Silvério 262 55 23 94
Farmácia Sousa 262 56 91 20
Finanças 262 55 12 17
GNR - Valado dos Frades 262 57 71 77
Guarda Fiscal (Porto de Pesca) 262 55 28 90
Hospital da Confraria da Nossa Senhora da Nazaré 262 55 01 00
Instituto Portuário e dos Transportes Marítimos (IPTM) Tel: 262 56 14 01
Fax:262 56 14 02
Junta de Freguesia de Famalicão 262 56 00 01
Junta de Freguesia da Nazaré 262 55 38 81
Junta de Freguesia de Valado dos Frades 262 57 74 14
Mercado Municipal 262 562 059
Museu Dr. Joaquim Manso 262 56 28 01
Museu Reitor Luís Nési 262 55 17 95
Pavilhão Gimnodesportivo 262 56 26 24
Piscinas Municipais 262 56 21 81
Policlínica 262 55 23 23
Polícia Marítima Telefone: 262 56 12 55
Fax: 262 56 19 89
Piquete:91 84 98 031
Posto de Turismo da Nazaré 262 56 11 94
PSP da Nazaré 262 55 00 70

Rodoviária do Tejo 


"Tá-Mar" (Presidente)

967 449 868


912 351 377
Serviços Municipalizados da Nazaré 262 56 11 53
Tribunal da Comarca da Nazaré 262 56 21 00
Táxis da Nazaré 262 55 31 25

Heráldica

Set. 11
Publicado em Freguesia

Justificação de Simbologia

EscudoBrasão
Escudo de prata

Coroa Mural
Coroa mural de prata e três torres

Listel
Listel branco, com a legenda a negro: "FREGUESIA DE NAZARÉ"

Banda Dentada
Banda dentada de negro.
Representa a zona natural da freguesia, assim como o elevador da Nazaré, construído em 1889 com o intuito de servir a população do Sítio e da Nazaré sendo que actualmente é visitado por milhares de pessoas tanto por curiosidade, como pela fantástica vista panorâmica que oferece.

Burelas Ondadas e Barco
Representam as famosas praias da Nazaré, assim como a pesca que foi desde sempre a principal actividade económica desta freguesia.
Campanha diminuta ondada de verde e prata de quatro tiras e, vogando, um barco de azul, decorado de verde e negro e realçado de ouro e posto de proa.

História da Freguesia

Set. 11
Publicado em Freguesia

A Freguesia de Nazaré é a sede do concelho homónimo, no distrito de Leiria. O seu orago é Nossa Senhora da Nazaré, celebrada na freguesia a 8 de Setembro.
A fundação desta Freguesia está intimanente ligada com a célebre lenda de Nossa Senhora da Nazaré e a descoberta da sua imagem, uma das mais curiosas lendas do hagiológico lusitano. Conta-se que no século IV, um monge grego, Ciríaco fugira para Belém de Judá levando consigo uma imagem de Nossa Senhora da Nazaré que havia sido esculpida por S. José, na presença da mãe de Cristo e que foi posteriormente oferecida ao Mosteiro de Cauliniana, em Mérida. Quando os mouros invasores derrotaram os cristãos, na batalha de Guadalete, o rei Rodrigo fugiu para Mérida, encontrando-se então com frei Romano que não se julgando seguro, fugiu com o rei para Oeste, atingindo os dois a costa atlântica onde hoje se encontra a pederneira. Romano trazia uma caixa de relíquias que Santo Agostinho dera aoMosteiro de Cauliniana, enquanto que Rodrigo trazia a imagem venerada de nossa Senhora. Segundo a tradição chegaram ao monte de S. Bartolomeu, nas imediações de Nazaré, a 2 de Novembro de 713. Ali viveram alguns dias até que Rodrigo manifestou o desejo de viver só e frei Romano foi habitar outro monte fronteiro, o actual Sítio de Nazaré, levando consigo a imagem e as relíquias que escondeu numa lapa. A imagem de Nossa Senhora ficou então escondida nos rochedos por mais de quatro séculos até que, em 1179 alguns pastores que vagueavam pelos matos do Sítio, com os seus rebanhos, descobriram a imagem. Não tardou que a notícia se espalhasse reunindo­-se ali muitos devotos que a veneravam. Em 1182, numa manhã de nevoeiro, caçava nas matas do Sítio um dos mais conhecidos cavaleiros de D. Afonso Henriques, D. Fuas Roupinho, alcaide mor de Porto de Mós. Em perseguição de um veado, seguiu até à ponta do promontório do Sítio, onde ia caindo. De súbito vendo-se entre a vida e a morte pediu auxílio a Nossa Senhora da Nazaré. O cavalo estancou então tão firme que parecia estar cravado na própria rocha. D. Fuas Roupinho, agradecido pela intervenção da Virgem, mandou chamar pedreiros de Leiria e Porto de Mós para a construção de uma capela no local, conhecida actualmente como a Ermida da Memória. Encontrou-se então a caixa de relíquias bem como uma relação da atribulada viagem da imagem venerada. Com autorização régia, D. Fuas Roupinho doou os terrenos onde a capela fora construída e outros próximos. Em 1377 D. Fernando visitou a imagem em piedosa romaria, mandando construir uma igreja mais vasta e espaçosa que se inaugurou a 5 de Agosto daquele ano. D, João 1, em 1383 mandou edificar alpendres para abrigo dos romeiros; D. João II e D. Manuel beneficiaram o templo e fizeram novas doações. Antes da primeira viagem para a índia, também Vasco da Gama visitou o templo.
As primeiras referências sobre a pesca na Nazaré são de 1645 e em 1870 já tinha um considerável desenvolvimento existindo por volta de cinquenta e oito cabanas para a arrecadação de aparelhos de pesca. O povoado mais antigo é sem dúvida a Pederneira, cujo nome figura em vários documentos medievais e aparece em antigas cartas como "Seno Petronero"; sabe-se, por cartas de marear do século XIV e XV, que existiam na região mais portos interiores que estavam dependentes dos coutos de Alcobaça, desde a fundação do mosteiro, sendo os abades do dito mosteiro os donatários da vila.
No aspecto patrimonial, ressaltam na freguesia alguns elementos dignos de referência é o caso das igrejas de S. João e da Paderneira, do Santuário de Nossa Senhora de Nazaré, das Capelas da Memória e de Nossa Senhora dos Aflitos, e do forte de S. Miguel. Este último está situado no extremo Oeste do promontório do Sitio, é senhor de uma vista imponente, desde S. Pedro de Moel a Norte, até Peniche e as Berlengas a Sul. Em frente ao mesmo encontra-se um dos emblemas da Nazaré: a Pedra do Guilhim, local de grandes pescarias. Trata-se de um notável monumento militar, estando ligado a uma longa história de resitência contra os ataques de piratas. Em 1903 foi ali construído um farol que auxilia desde então a navegação. Um outro atractivo turístico da freguesia é o elevador da Nazaré, construído em 1889 com o intuito de servir a população do Sítio e da Nazaré sendo que actualmente é visitado por milhares de pessoas tanto por curiosidade, como pela fantástica vista panorâmica que oferece.
A pesca foi desde sempre a principal actividade económica desta freguesia, no entanto, com a industrialização da pesca e a construção do porto de abrigo, a pesca artesanal perdeu a sua importância e actualmente são poucos os que se dedicam a eIa . Da tradicional arte da pesca chegaram até aos nossos dias as típicas embarcações da Nazaré, construídas conforme a pesca ou qualidade do pescado. Sem dúvida as embarcações de ílhavo foram as que deixaram a maior influência, dada a grande comunidade de ilhavenses que aqui se estabeleceu. Os barcos da Nazaré eram de popa larga e bico em pirâmide para cortar as vagas mais fortes. O turismo tem também vindo a desenvolver-se graças não só às magníficas praias da freguesia, como também à gastronomia e à cultura e simpatia do povo nazareno.

Nam quis urna felis, in accumsan mauris. Nam non lectus ac ligula faucibus vulputate. Vestibulum sed erat eget felis eleifend pretium. Quisque id lorem ante, ac adipiscing urna. Nulla sed dapibus augue. Nulla facilisi. Aliquam vestibulum mauris aliquet nibh tempus at interdum nulla viverra. Maecenas volutpat lacinia libero et interdum. Maecenas ac libero lorem, ac pellentesque est. Aenean suscipit metus ac nulla tincidunt sollicitudin. Sed tincidunt vulputate porta. Vestibulum varius imperdiet urna vitae consectetur.

Ut at dignissim est. Phasellus vehicula est ante. Duis felis arcu, varius quis tincidunt sed, pretium a mauris. Aenean laoreet mauris vitae nunc volutpat feugiat. Phasellus ullamcorper nulla ut enim suscipit commodo. Nam et ligula metus, vitae aliquet urna. Quisque leo est, condimentum sit amet varius et, suscipit sit amet ligula. Vestibulum ante ipsum primis in faucibus orci luctus et ultrices posuere cubilia Curae; Sed ut metus tellus, sit amet eleifend leo. Sed metus metus, fermentum nec pretium mollis, condimentum eget nibh. Suspendisse orci felis, imperdiet eu semper non, egestas eu odio. Morbi sagittis rhoncus tellus vitae consequat. Maecenas rutrum dapibus neque, eu gravida sapien faucibus non. Nulla magna lectus, pulvinar eget suscipit sit amet, pharetra quis nibh. Sed in purus non lectus tincidunt posuere. Aenean nunc lectus, tincidunt id rutrum a, venenatis nec nulla.

Quisque porta tempus nisi, vel vestibulum est dapibus in. Phasellus elit nisi, viverra quis interdum aliquet, malesuada porttitor justo. Nunc ultricies scelerisque justo, at iaculis odio aliquet ac. Maecenas pharetra pulvinar neque, in accumsan turpis gravida sit amet. Suspendisse quis ligula turpis. Proin scelerisque ligula in nibh varius eu egestas dui tristique. Aliquam eget laoreet massa. Vestibulum ante ipsum primis in faucibus orci luctus et ultrices posuere cubilia Curae; Proin nulla ligula, pharetra non gravida non, luctus vel metus. Donec non interdum elit. Vivamus in aliquet magna. Sed ac nisl erat, et bibendum augue. Donec ultrices facilisis lacus, nec tempus tortor mattis nec. Ut sodales consequat enim, a mollis orci imperdiet ac. Proin mattis quam quis dolor commodo dignissim.

Module positions

Out. 02
Publicado em Featured

Ut aliquet nisi dignissim

In eget diam sit amet urna vestibulum imperdiet accumsan sit amet erat. Nullam eget massa non dolor aliquam volutpat. Vivamus interdum dictum ultricies. Morbi auctor, diam ornare sagittis dapibus, metus justo hendrerit lectus, ut pulvinar augue augue vitae lacus. Nam auctor auctor quam, ut aliquet nisi dignissim ut. Quisque luctus nulla ut libero vulputate tincidunt. In sed leo sed ligula euismod consequat. Mauris in nunc turpis. Etiam eu ultricies eros. Donec eu dolor nec nunc tincidunt ullamcorper. Maecenas accumsan rutrum ipsum, a sollicitudin libero fermentum a.

Morbi nec arcu

Nulla et sagittis orci. Mauris nec porttitor enim. Morbi nec arcu augue. Vestibulum nec elit vel ipsum convallis dapibus vitae a nunc. Curabitur iaculis vulputate lacus at auctor. In ac velit purus, accumsan convallis ante. Mauris nibh ligula, condimentum in laoreet et, sagittis nec leo. Vivamus volutpat gravida vulputate. Donec sed dolor turpis, a pulvinar neque. Curabitur id nisl diam, ut commodo purus. Class aptent taciti sociosqu ad litora torquent per conubia nostra, per inceptos himenaeos. Donec aliquet eros elementum arcu blandit eleifend ac eget est. Ut orci justo, consectetur sit amet sollicitudin eleifend, auctor ac metus. Proin massa erat, convallis ac pulvinar eu, suscipit eu est. Sed malesuada, ligula placerat gravida venenatis, neque erat porttitor leo, a lacinia est quam ac lorem.

Morbi gravida egestas nisl, nec egestas nibh placerat in. Praesent tempor tellus at lectus sodales viverra semper purus dapibus. Phasellus nec ipsum non libero pulvinar varius sit amet sit amet erat. Vestibulum blandit condimentum ligula, nec placerat nibh tincidunt et. Donec ultrices semper arcu at aliquet. Cum sociis natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Class aptent taciti sociosqu ad litora torquent per conubia nostra, per inceptos himenaeos. Sed ac tellus metus.

Menu Utilizador

Imagens Recentes

Contatos

Bairro dos Pescadores, Rua B, nº2A
2450-115 Nazaré


Tel. 262 553 881
Fax: 262 562 120
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Top of Page